terça-feira, 15 de março de 2016

Chambord: o Céu dominando a Terra
e o espírito dominando a matéria

O mais surpreendente de Chambord está na floresta de torres do telhado.
O mais surpreendente de Chambord está na floresta de torres do telhado.
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs




O aspecto mais maravilhoso de Chambord está no telhado.

Ele é coroado por uma floresta de torres e chaminés que sobem para cima como que num concurso.

Elas dão a impressão de um prédio que começa a voar e que várias partes de seu teto começam a subir para o céu, levadas por uma força oposta à força da gravidade.

Ai está um bonito contraste do castelo. Tudo na parte inferior fala da solidez na terra. A floresta de torres e chaminés fala de leveza que vai para o céu.



É um contraste harmonioso cheio de beleza.

Mas a vitoria do castelo está na torre central que domina todo o resto do castelo. Ela é o elemento monárquico.

Da torre central pende toda a nobreza e dignidade do castelo
É do alto da torre central que pende toda a nobreza e dignidade do castelo.

Tem algo de delicado, que quase se confunde com o céu e está bem no centro de todas as simetrias, das leves como das pesadas.

Em função dela e em torno dela o castelo se ordena.

A parte inferior de Chambord, sólida e atarracada, participa do reino do comum e do trivial. A parte superior é uma feeria.

Em ultima análise, Chambord representa o Céu dominando a Terra, a Fé dominando a vida terrena, o espírito dominando a matéria e tudo se resolvendo numa ordem única, que aponta para o Céu.

É propriamente o maravilhoso expresso no castelo de Chambord.

Chambord foi um castelo real. Mas, quando a vida política francesa se centralizou em Paris, os reis vieram cada vez menos a esse castelo e ele praticamente ficou sem historia.

De vez em quando morava alguma pessoa, a quem o rei cedia o castelo durante algum tempo: um general vitorioso, algum príncipe da casa real meio aposentado. Mas passou a ser um castelo sem historia.

Ele transpôs a Revolução Francesa e durante o reinado de Carlos X, foi comprado por uma empresa de demolidores que vendia material de construção. Esses demolidores chamavam-se “La bande noire”, a banda negra.

Chambord representa o Céu dominando a Terra, a Fé dominando a vida terrena, o espírito dominando a matéria
Chambord representa o Céu dominando a Terra, a Fé dominando a vida terrena,
o espírito dominando a matéria
Então, para salvar o castelo abriu-se uma subscrição em toda a França, e os franceses compraram o castelo para salvá-lo.

E o ofertaram ao herdeiro do trono, que era uma criança que usava o titulo de Duque de Bordeaux, e que passou, a partir desse tempo, a chamar-se Conde de Chambord.

Quer dizer, o concurso de dinheiro de um povo inteiro, no século XIX, salvou Chambord.

Houve assim uma espécie de plebiscito de amor do povo francês a favor desse castelo, depois de decorrida a Revolução Francesa.

Essa vitória foi consequência do amor do maravilhoso, sentido não só pelos literatos, artistas ou pessoas de alta educação, mas sentido pela massa inteira de um povo.

O triunfo do senso do maravilhoso sobre a sovinice fez a gloria dos franceses daquele tempo.




GLÓRIA CRUZADAS CATEDRAIS ORAÇÕES HEROIS CONTOS CIDADE SIMBOLOS
Voltar a 'Glória da Idade MédiaAS CRUZADASCATEDRAIS MEDIEVAISORAÇÕES E MILAGRES MEDIEVAISHERÓIS MEDIEVAISCONTOS E LENDAS DA ERA MEDIEVALA CIDADE MEDIEVALJOIAS E SIMBOLOS MEDIEVAIS

5 comentários:

  1. Salve Maria!
    Realmente o castelo faz parte da tradição e da cultura do povo francês e foi um grande gesto preservá-lo!

    ResponderExcluir
  2. Boa noite,
    Sou apaixonada por Castelos e foi uma satisfação imensa ao conhecer o Castelo Chambord, por isso gostaria que adicionassem meu novo e-mail em vossa lista, pois não mais usarei o IG.
    Grata,

    ResponderExcluir
  3. Por favor, qual o código que usa para incluir essa figura "flutuante", que fica no canto inferior direito?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Laex Diniz,

      eu montei isso há um certo tempo e esqueci. O endereço da dica que eu tinha guardado mudou um pouco mas agora é: http://www.ferramentasblog.com/2013/05/como-adicionar-gadget-e-widget-flutuante-na-barra-lateral-do-blog.html.

      outros endereços fornecem dicas análogas, por exemplo: http://www.dicasparablogs.com.br/2013/05/colocar-gadget-flutuante-no-blogger.html

      o Código HTML é o endereço da imagem carregada no Blogspot. No caso é um arquivo pequeno .PNG.

      Atenciosamente,

      Excluir

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.